Fisioterapia.pt
terapia_da_fala_voz_fisioterapiapt

A Saúde da Voz

Refletir sobre a nossa Voz é compreender a importância que este meio privilegiado de comunicação pode assumir no nosso dia-a-dia, tanto do ponto de vista pessoal como profissional. Hoje direcionaremos este artigo ao profissional da voz que dela necessita como instrumento fundamental de trabalho.

Este artigo pretende elucidar alguns aspetos básicos da utilização do aparelho fonador e de cuidados a ter. Para algumas profissões, é fundamental utilizar a voz corretamente, em especial as que são sujeitas a uma sobrecarga vocal mais elevada. Referimo-nos aos Professores, Educadores de Infância, Padres, Telefonistas, Operadores de Telemarketing, Locutores, Advogados, Atores, Cantores, correndo aqui o risco de deixar de fora muitas outras profissões que dependem em grande parte do uso da voz.

Falar para grupos de pessoas, em ambientes ruidosos e durante um período prolongado são caraterísticas de alguns destes profissionais. Uma especial atenção deve ser dada aos problemas vocais quando estes começam a manifestar-se, mesmo que por curtos períodos de tempo. A observação por um Médico Otorrinolaringologista e/ou por um Terapeuta da Fala é um passo importante a ser dado. Contudo, isto não invalida que não se procure o Terapeuta da Fala, mesmo sem se apresentar qualquer alteração vocal, com um objetivo preventivo ou até mesmo de otimização das qualidades vocais do indivíduo e da obtenção de um melhor desempenho profissional.

Tendo como objetivo uma boa qualidade vocal e uma comunicação mais efetiva, em Terapia da Fala, para além da adequação dos parâmetros vocais básicos, a intensidade, o tom e o timbre, trabalham-se as funções associadas à voz falada, como a respiração, a postura corporal, a prosódia, a ressonância, a articulação verbal, que quando em harmonia se traduzem numa boa projeção vocal.

Aprender a usar a nossa voz da forma mais adequada ajudará a preservar uma boa qualidade vocal e a transmitir uma voz mais agradável de ouvir, o que se refletirá em mensagens transmitidas de uma forma mais eficaz. Por outro lado, um uso incorreto da voz dificulta a compreensão da mensagem e transmite aos ouvintes sensações desagradáveis.
Como cuidados básicos, salientamos a grande importância da hidratação através do  consumo frequente de água natural, e de uma alimentação variada e rica em fibras. Por outro lado, há que evitar comportamentos de esforço vocal, tais como falar mais alto do que o necessário e/ou produzir sons muito agressivos, associados a esforço físico ou produzidos em ambientes muito secos ou com temperaturas extremas (muito frios ou muito quentes). Comportamentos usuais tais como o pigarreio, choro ou grito são agressivos para as nossas pregas vocais. Mesmo sendo um conhecimento do senso comum, nunca é demais salientar que álcool e tabaco são altamente prejudiciais ao aparelho vocal.

Muito mais se poderia dizer acerca deste aparelho e de como contribuir para uma boa saúde vocal. A nossa equipa está disponível para o aconselhar, esclarecer e acompanhar se assim o desejar.

Terapeuta Catarina Olim

Terapeuta da Fala

Adicionar comentário

Follow us

Don't be shy, get in touch. We love meeting interesting people and making new friends.

Most popular

Most discussed